Toda decoração diz muito sobre a vida que se leva naquele ambiente. E a casa no estilo rústico, em especial, diz muito sobre a nostalgia, sobre a resiliência e o aconchego simples. Se você quer dar os arremates finais na composição do seu ambiente com estilo rústico, é só conferir as dicas do post de hoje para fazer muito mais na decoração das paredes.

Estilo rústico: por que escolher?

Quem escolhe o estilo rústico está buscando aquilo que, antes de tudo, é perene, que passa a impressão de que dura há muito tempo e ainda vai estar lá por muito mais. Por ser especialmente composto por materiais orgânicos e altamente duráveis, sempre tem detalhes únicos, que vêm tanto da origem daquele item, como uma coluna de madeira ou um tapete de couro de boi, quanto do efeito que a passagem do tempo deixou nele, como um arranhado na parede, um nó de madeira…

O estilo rústico tem sido cada vez mais buscado e, por ser tão difícil de reproduzir em apartamentos e comércios, ganha uma série de adaptações especiais. Ter paredes de madeira bruta ou tijolos expostos não é fácil em salas comerciais e condomínios, não é mesmo?

Mas muito mais do que os materiais em si, decoração é sobre reproduzir um sentimento, e cada dia mais você encontra artigos incríveis para criar o melhor estilo rústico em qualquer ambiente. Basta investir em alguns itens chave e sentir seu espaço transformado!

Decorando no estilo rústico

Para acertar no efeito, o mais importante é escolher artigos que tenham uma aparência natural, com algumas imperfeições e irregularidades aqui e ali. Aposte em peças de cerâmica, por exemplo, sem muito acabamento, seja em vasos, pequenas esculturas ou mesmo cúpulas e artigos funcionais do dia a dia. Alguns padrões do estilo industrial também caem muito bem, como deixar algumas fiações à mostra, usar artigos de metal com tons envelhecidos.

As pedras também têm um papel central no estilo rústico, afinal, são itens perenes e únicos por natureza. Seja nas pedras de tampo para a pia ou balcões, nos tijolos descobertos da parede e mesmo como peças decorativas, com cristais, drusas e até peças mais brutas.

A palha também dá um arremate muito especial no ambiente: cestos de palha trançada, biombos, cadeiras de vime e painéis de cozinha podem transformar a decoração.

Mas nada diz mais sobre um ambiente rústico do que a madeira. Ela domina em todas as formas, das mais brutas, em troncos, até aquelas com acabamentos envernizados. A madeira tem sempre um tom orgânico e prático que combina muito com o estilo rústico.

E especialmente nos espaços que comentamos no início, onde cada centímetro é contado e há algumas limitações na estrutura, escolher bem cada detalhe é a melhor forma de otimizar a decoração.

E já que falamos como o segredo está no sentimento, na atmosfera que aquele estilo cria, por que não aproveitar um recurso decorativo que a maioria das pessoas esquece: as paredes, que servem para muito mais do que pintar daquele branco neutro ou pendurar quadros.

Os papéis de parede são capazes de fazer uma diferença completa na transformação de qualquer ambiente. O fato de estarmos cercados pelas nossas paredes faz delas itens que estão sempre em evidência.

Escolhendo seu papel de parede

O efeito de tijolo certamente é o mais popular, não só para reproduzir o estilo rústico, mas para dar uma ambiência mais vintage, com efeitos como os de tijolos ingleses.

O tijolo combina especialmente ao ser misturado com detalhes industriais, lâmpadas de bulbo, peças metálicas envelhecidas, preto & branco…

Agora, se você quer reproduzir um estilo rústico mais tradicional, não tem erro ao utilizar a madeira, que tem muita versatilidade. Tanto a madeira crua quanto a envelhecida têm o charme e o sentimento nostálgico por excelência, e já têm um grande impacto na decoração por si só.

Se quiser dar ainda mais destaque ao tema, escolha peças orgânicas ou que simulem sua aparência. Simular orgânico não é algo kitsch, pelo contrário, tem um efeito bastante conceitual quando se refere ao estilo rústico.

O estilo de veraneio também tem um grande apelo dentro da decoração rústica, e certamente vai muito bem com os efeitos de palha trançada, madeiras de demolição e, para complementar, não podem faltar muitas plantas tropicais.

Você vai sentir como essa mudança na parede vai transformar todo o sentimento do seu ambiente. A experiência vai ser ótima e certamente renderá muita inspiração para inventar seu próprio estilo. O mais importante é começar, aplicar aquela primeira folha, sentir a nova ambientação e, com o tempo, cada vez que ver um item especial para agregar à decoração, seu senso vai tinir!

Aqui no blog da Papel na Parede você encontra muitos outros estilos especiais de decoração, é só acompanhar nosso blog para não perder nenhum post!