Se você já se perguntou como combinar papel de parede com móveis, sem dúvidas já se deparou com perguntas do tipo: qual o estilo mais adequado; como combinar o esquema de cores e, principalmente, de que forma é possível adicionar os toques especiais à decoração.

As respostas para essas perguntas não são tão complicadas quanto parecem – basta ter em mente que, assim como os papéis de parede possuem estilos e composições próprias, os móveis também. O segredo, então, é acertar no equilíbrio entre os dois elementos!

Dúvidas em como fazer as escolhas certas? Para te ajudar, o blog da Papel na parede preparou um conteúdo especial com 5 ideias criativas para mesclar móveis e papel de parede!

Acompanhe a leitura e aprenda como renovar os cômodos do seu lar de maneira muito prática e bonita. Preparada(o)? Vamos lá:

  • Móveis escuros – como harmonizar?

Se o cômodo em que você pretende aplicar a decoração nas paredes é mobiliado com móveis em tons escuros, nossa primeira dica é especialmente direcionada a você: saiba que os tons escuros não se complementam muito bem quando em excesso em um mesmo espaço.

Ou seja, nada de “combinar” cores escuras em móveis e papel de parede! Caso a mobília seja predominantemente preta, marrom ou em tons mais escurecidos, opte por um papel de parede em tons mais claros (mas não muito, para não contrastar demais).

O excesso de escuridão nas cores gera a sensação de ambiente pesado, sobrecarregado. Nesse sentido, cores mais claras harmonizam muito bem com a mobília e resultam em um espaço bem-decorado, harmonioso e cheio de personalidade.

  • Eletrodomésticos + papel de parede?

Você sabia que é possível aplicar papel de parede até na cozinha (e que o efeito é espetacular)? Isso mesmo, hoje em dia, já é possível aplicar a decoração em todos os cômodos do seu lar!

Na área de alimentação e preparo de alimentos da casa, os móveis com os quais a aplicação precisa combinar são os eletrodomésticos – e sua multiplicidade de cores e materiais.

Os clássicos costumam ser brancos, mas os mais atuais, variam entre o cinza inox e, por vezes, preto. Para cada um deles, com destaque aos inoxidáveis – mais predominantes em nossas cozinhas – existe um tipo de papel que combina melhor.

Para os eletrodomésticos dessa cor, uma dica válida é apostar no estilo clean, com poucos detalhes. Então, um papel de parede de uma tonalidade mais fria, para trabalhar com a sensação de integração no ambiente, é uma ótima opção.

Caso queira criar um contraste super original e que combine com o seu estilo, uma dica válida é apostar nas cores quentes, como o cáqui ou até mesmo um vermelho sutil. As estampas e padrões também são bem-vindos, caso você prefira um estilo jovial e descontraído.

Quer saber mais sobre como decorar sua cozinha inteira com papel de parede? Já falamos tudo sobre o assunto aqui no blog, confira!

  • Papel de parede e móveis claros: clássico do bom-gosto

Da mesma forma que os móveis escuros possuem regras específicas de combinação com papéis de parede, os claros também! Na verdade, a regra geral se aplica a ambos os conceitos: cores e tonalidades muito parecidas costumam não se combinar.

Cores claras tendem a harmonizar melhor com os seus opostos escuros – no entanto, é super possível fazer a mescla de dois tons claros e obter um ótimo resultado. Para isso, é só investir em um papel de parede diferenciado, como os texturizados ou até mesmo 3D.

Esse diferencial faz com que o efeito estilizado se sobreponha à mesmice dos tons, então, caso realmente queira um ambiente somente com cores mais claras, essa é uma boa dica. Se optar pelo tradicional, cores em tons mais escuros, ainda que coloridos, são a aposta certeira.

  • Estilo vintage: vivacidade e alegria

Gosta de móveis vintages, mas não abre mão da decoração nas paredes da sua casa? Bom, então você já deve saber que esse estilo é, por si só, cheio de personalidade e originalidade.

No entanto, vale ressaltar que, por esse motivo, é fundamental que ambos os itens decorativos não briguem pelo protagonismo estético do cômodo – antes, é possível fazer com que eles sejam melhores amigos!

Como? Apostando em cores suaves ou padrões sóbrios, como listras ou formas orgânicas. Dessa forma, o saudosismo do estilo vintage encontra-se com a modernidade do estilo eclético e o resultado é um espaço super estiloso, original e do seu jeito.

  •  Móveis de madeira: rústico e elegante

Por fim, nossas ideias criativas desembarcam no mundo do estilo rústico, representado pelos móveis de madeira. São infinitas as possibilidades de trabalho e finalizações em mobília desse tipo, por isso focalizamos naqueles que privilegiam o acabamento natural, em tons marrons.

Separamos duas ideias de combinação para você: a primeira, com papel de parede xadrez, funciona como complemento do estilo rústico naturalmente transmitido pela madeira – e essa é nossa dica para quem é fã do estilo.

A segunda é para os que gostam da madeira, mas preferem combinações com influências contemporâneas – nesse caso, pode-se optar por um papel de parede liso, com estampas geométricas ou estilizado.

Então, o que achou das nossas dicas? Agora que você já sabe como combinar móveis aos diferentes tipos de papel de parede, que tal aprender como fazer a aplicação correta do seu modelo escolhido? Aproveite também para acompanhar o blog da Papel na parede – toda semana tem conteúdo novo. Até a próxima postagem!