Papel de parede no teto dá estilo e personalidade para o ambiente

O teto é uma das partes mais importantes de qualquer espaço. Mas, na maioria das casas e dos ambientes profissionais, é possível observar que as pessoas simplesmente se esquecem de dar um toque interessante para ele. Os decoradores ressaltam que, assim como paredes e chão, o teto merece toda cautela e carinho, uma vez que pode tornar os cômodos muito mais bonitos, elegantes e confortáveis.  Foi pensando nisso tudo que nós preparamos algumas informações e dicas para você decorar o teto usando papel de parede. Tudo de forma simples, rápida e barata.

Como o papel de parede transforma os espaços?

O papel de parede é a melhor solução para quem deseja decorar o teto de forma prática. O material também fica excelente em ambientes pequenos, como, por exemplo, em corredores ou ainda em quartos muito minúsculos. Outro ponto muito bacana é que o papel de parede tem o poder de criar diferentes sentidos para os espaços, ou seja, pode deixar os ambientes mais tranquilos, energizados, divertidos, modernos, extravagantes, vintage e muito mais. Outra vantagem é a economia que os papéis garantem, ao contrário das pinturas e demais formas de reformas, o material tem preços muito acessíveis.

Modelos para cada tipo de ambiente

Existe uma infinita variedade de modelos de papel de parede. Mas a escolha do tipo ideal precisa ser feita com todo o cuidado e critério. Isso porque cada estampa, cor e textura proporciona um visual e um sentido distinto para os ambientes.

As cores muito claras, como, por exemplo, branco e off-white, são indicadas para quem deseja dar uma sensação de amplitude para os espaços. Vale sempre lembrar que cores claras podem amplificar o visual de qualquer cômodo. Os papéis listrados de tonalidades suaves ou médias, tipo, marrom e branco ou bege e cinza são perfeitos para quartos, pois expressam tranquilidade e relaxamento.

As listras vão muito bem principalmente em quartos infantis. Mas também é possível optar por modelos lúdicos ou didáticos de papel de parede para os quartos de bebês e crianças. Existem papéis com estampa de constelações ou ainda de letras e animais que instigam os sentidos e capacidade intelectual dos pequenos. Agora se o seu plano é transformar o teto da cozinha, estampas florais ou cheias de cores combinam muito bem com o clima de alegria das cozinhas. Já aqueles papéis de parede com textura de madeira são excelentes para salas de estar ou de TV, o visual fica extremamente moderno e clean.

Os decoradores ainda lembram que as pessoas precisam escolher papéis de parede para o teto que realmente tenham a ver com os outros artigos do ambiente. O correto é usar, pelo menos, um ambiente ou objetos com a mesma cor do papel fixado no teto.

Indicações da Papel na Parede

Banheiro: Papel de Parede Geométrico 

Os desenhos com formas geométricas em tons bem suaves ficam perfeitos no teto do banheiro. Esse tipo de espaço da casa ou do trabalho necessita sempre de um visual mais clean e singelo. As cores variadas dão um toque final de modernidade e elegância.

 

Cozinha: Papel de Parede Floral

Tanto as cozinhas, como as copas ficam ainda mais bonitas e modernas com uma estampa cheia de desenhos de flores em cores muito vibrantes. O roxo intenso empresta alegria às estações frias e nubladas e, ao mesmo tempo, tem tudo a ver com o colorido da primavera e do verão.

 

Quartos de adultos: Papel de Parede  Animal Print 

Estampas de animal print ficam muito bacanas em tetos de quartos adultos principalmente para quem simplesmente ama os contextos da natureza. Além disso, a estampa colorida e versátil faz com que o visual do ambiente fique surpreendente. E o melhor é que animal print combina com tudo.

 

Quartos infantis: Papel de Parede Unicórnio 

Modelo com fundo branco e estampa fofa de unicórnios. As cores suaves não só fazem com que o ambiente pareça maior, como também expressam muita calmaria e paz. Sensações ideais para garantir o sono de bebês e crianças, além das experiências inesquecíveis de pais e mães.

 

Sala: Papel de Parede  Madeira 

Modelo com cor de madeira que, instalado no teto, mais parece o material original de madeira. A cor tradicional é bastante versátil, assim, fica muito mais fácil criar decorações harmônicas e bonitas. Sem contar que a cor marrom é totalmente atemporal, ou seja, nunca sai de moda.

 

Corredor: Papel de Parede  Bambu

Nada melhor do que um modelo de papel bambu com formas tradicionais para decorar o teto de corredores. As tonalidades claras deixam o corredor com um visual muito maior, sem que seja preciso fazer grandes reformas. Os tipos minimalistas do sentido “menos é mais” estão em alta.

 

Dicas de como aplicar o papel de parede no teto

O primeiro passo é medir todo o teto para que você possa comprar a quantidade exata de papel de parede:

  • Utilize uma escada para alcançar todo o teto de forma muito fácil;
  • Em seguida, procure começar a colar nos cantos;
  • Tome muito cuidado com papéis de parede estampados em sequências específicas de formas;
  • O ideal também é usar um rolo de passar tinta limpo, claro, além de uma espátula que ajuda a ficar melhor o material.

VEJA TAMBÉM!

Acessórios e elementos essenciais para a decoração

08 erros comuns na decoração que você precisa corrigir

Decoração simples e barata: de caixotes até adesivos de parede

Acessórios e elementos essenciais para a decoração

A decoração de uma casa ou de um espaço de trabalho é sempre muito importante. Todos os espaços devem ter a composição muito bem planejada para que possam oferecer conforto, praticidade, e também muita beleza e criatividade. Os arquitetos e decoradores ressaltam alguns móveis e acessórios fundamentais para qualquer tipo de decoração.

E para que essas dicas sejam realmente úteis, é interessante que as pessoas priorizem todas as sugestões na hora de criar ou transformar os ambientes.

  1. Adesivos de parede

adesivo-azulejoOs adesivos de parede são excelentes para a decoração de todos os ambientes internos ou externos. Eles são fabricados em diferentes texturas, cores e estampas. A grande variedade de modelos faz com que seja possível até decorar os espaços a partir de temáticas. Sem contar que os adesivos são fáceis de instalar ou trocar e ainda custam muito menos do que uma reforma. Sem dúvidas, significa uma opção muito prática para transformar os ambientes.

  1. Mesa de centro

Geralmente, as pessoas não dão tanta importância para alguns móveis, como, a mesinha de centro. Mas mal sabem elas que esse pequeno detalhe faz toda a diferença na decoração de salas. A mesa de centro é um elemento antigo, muito comum em casas com aspecto retrô.

Os decoradores contam que esse móvel expressa um toque muito evidente de classe, beleza e elegância. Os diferentes tipos de mesinhas são capazes de criar um contraste com os outros artigos da decoração, mas é claro que, para isso, é preciso ter um pouquinho de noção visual. As mesas de centro também servem como apoio par objetos, assim, os moradores e visitantes podem desfrutar mais conforto.

  1. Tapete

O tapete é outro elemento, muitas vezes, esquecido na decoração. Mas vale deixar claro que ele é responsável por grande parte do visual bonito e adequado dos ambientes. Os muitos tipos de tapetes são ótimos para salas de estar, salas de TV, quartos, etc. É um elemento que está ligado à beleza, aconchego e segurança.

O tapete também é indicado para alguns tipos de chãos mais lisos em que há o risco de quedas e outros acidentes, porém, é necessário se atendar ao tipo de tapete que crie atrito suficiente para que a peça não se torne ainda mais escorregadia neste tipo de piso.

Nas lojas de artigos de casa, dá para encontrar facilmente tapetes redondos, quadrados, triangulares de materiais mais leves ou pesados, além disso, as cores, estampas e bordados são inúmeros. Tudo para possibilitar uma decoração harmoniosa e bonita.

  1. Espelho

Ah, os espelhos, como são mágicos! Esses objetos funcionam como peça-chave para a beleza e classe dos ambientes. Eles também são capazes de dar um ar mais leve e clean para quartos e salas. Já as cozinhas ficam muito mais modernas. Você pode optar por paredes claras a fim de intensificar a sutileza dos espelhos ou ainda brincar com diferentes cores para contrastar bem os elementos.

Vale lembrar que os espelhos também funcionam muito bem para dar a sensação de amplitude nos espaços. Seu quarto ou sala de visitas é muito pequeno? Capriche na decoração com espelhos. Eles fazem toda a diferença.

  1. Quadros

Você quer um ambiente bem bonito e criativo? Cansou do mesmo visual da sua casa? Aposte em quadros. O interessante é que esses objetos são fáceis de serem encontrados, além disso, podem custar muito menos do que outros elementos e formas de transformações para os espaços. Dá para investir em quadros grandes, médios e pequenos de formatos quadrados, redondos, retangulares e muito mais. Se preferir, faça uma mescla de diversos modelos, isso expressa modernidade e muita criatividade.

  1. Puff

Os puffs são essenciais, uma vez que funcionam de diversas formas. Eles são pequenos móveis que expressam muito estilo e modernidade. As composições deles trabalham perfeitamente com diferentes composições decorativas. Sem contar que os puffs são ótimos para as pessoas sentarem ou simplesmente apoiarem os pés.

Existem modelos de puffs para todos os gostos. Caso a sua sala de estar seja pequena, o puff se torna ainda mais necessário, procure deixa-lo embaixo de mesas quando não estiverem sendo usados, assim, é possível poupar mais espaço.

  1. Almofadas

As almofadas não podem faltar na sala de estar e até nos quartos. Elas deixam os sofás ou as camas muito mais confortáveis, além disso, os modelos somam bastante às decorações. Hoje em dia, você encontra almofadas de inúmeros tecidos, diferentes cores, estampas e cores. Dá até para encontrar almofadas temáticas, como, por exemplo, com estampa de grandes filmes clássicos do cinema ou astros da música internacional.

O mais importante de tudo, no entanto, é: todos os espaços do ambiente devem levar em conta diferentes fatores como: objetivo (ambientes comerciais e profissionais) ou perfil e gosto (cômodos como quartos e sala de estar), ou seja, procure usar esses elementos de uma forma que te agrade. Pesquise tamanhos, cores, texturas até encontrar aquilo que mais lhe agrade. De nada adianta seguir as dicas de um profissional ou de qualquer outra pessoa se você não se interessar pelos móveis e acessórios. O bacana é que tem sempre opções muitos diversas que combinam com todos os tipos de gostos de homens e mulheres. Saiba explorar tudo.

 

VEJA TAMBÉM!

08 erros comuns na decoração que você precisa corrigir

Decoração simples e barata: de caixotes até adesivos de parede

Tudo o que você precisa saber para cortar papel de parede

08 erros comuns na decoração que você precisa corrigir

A decoração de uma casa ou de um local de trabalho necessita de muito planejamento e extrema atenção. Ainda assim, muitas vezes, certos erros acabam passando sem serem notados. O bom é que a grande maioria dos equívocos pode ser corrigida com medidas simples, como, por exemplo, o reposicionamento de móveis e objetos. Foi pensando nisso tudo que selecionamos alguns dos erros mais normais que as pessoas costumam cometer nas decorações. Confira tudo aqui e garanta um visual muito mais bonito, moderno e harmonioso para os seus ambientes.

  1. Móveis em espaços inadequados

Por vezes, é muito comum encontrar pufes, cadeiras, bancos e mesinhas posicionados em locais errados. Um exemplo muito recorrente é quando os móveis ficam no meio do caminho ou ainda muito próximos da porta. As pessoas precisam estar sempre atentas para que esse erro não seja cometido, uma vez que a inadequação torna o ir e vir dentro do ambiente muito mais difícil, além disso, pode até causar um acidente. Por isso, mesmo depois de terminar a decoração, observe bem a posição de cada móvel, muitos equívocos acabam passando por falta de atenção.

  1. Tamanhos divergentes entre móveis

Ao mandar fazer ou comprar pronto seu conjunto de mesa e cadeiras, certifique-se de que a altura entre eles é condizente, ou seja, sem que o banco seja mais baixo que a mesa e vice-versa. Esse erro de decoração, na maioria das vezes, passa despercebido e as pessoas só vão tomar conta na hora de um almoço em família ou jantar entre amigos. Evite esse erro e, consequentemente, o desconforto que os seus convidados possam sentir na hora de se servir e de comer.

  1. Ambientes com desnível

Todos os ambientes de casa ou do local de trabalho devem, preferencialmente, ter o mesmo nível no chão. É preciso muito cuidado para que o chão não fique torto e nem muito menos com degraus. Esses fatores podem até parecer pequenos detalhes, mas acabam oferecendo risco de as pessoas tropeçarem e caírem, além disso, deixam o visual da decoração mais feio.

  1. Quadros mal iluminados

A luz natural ou artificial é tudo em qualquer ambiente, mas é preciso saber fazer a adequação do tipo e quantidade de iluminação. Os quadros devem ficar completamente iluminados, sem que uma parte fique mais clara do que a outra. Lembre-se que a arte estampada nos seus quadros precisa ficar muito bem nítida para todos e isso só é possível com luminárias bem posicionadas e, também, com cores de luzes eficientes.

  1. Vidros com muitos reflexos

Os móveis e objetos feitos de vidros ou de materiais cromados e dourados não devem receber o reflexo de luz. Procure fazer a decoração com as lâmpadas e luminárias distantes desses tipos de móveis e objetos. Isso porque o reflexo acaba ficando excessivo nos materiais e, assim, causando uma imagem feia e deselegante para os ambientes.

  1. TV com reflexo

E por falar em reflexos, as TVs mal posicionadas também representam um dos problemas mais comuns. O correto é não fixar o televisor na frente ou atrás de uma janela ou de uma porta. Caso não tenha jeito de evitar esses posicionamentos, providencie uma cortina bem escura que bloqueie todo o reflexo, além disso, que combine totalmente com a decoração. Outro erro que você precisa corrigir é a respeito da altura da TV, verifique se ela está posicionada de um modo que todos os moradores da casa possam visualizá-la sem dificuldades.

  1. Pouco espaço para panelas no fogão

Hoje em dia, muitas pessoas optam pelos cômodos planejados, principalmente para a cozinha e ainda assim, às vezes, acontece do espaço entre o fogão e a coifa ser muito pequeno. Quando isso ocorre fica muito mais desconfortável ou até impossível de cozinhar com panelas maiores. O ideal é que esse espaço seja muito bem analisado e medido para que não ocorra esse tipo de transtorno na sua cozinha.

  1. Objetos demais, espaços de menos

É normal também que na hora de fazer a decoração dos ambientes, as pessoas acabem se empolgando e, assim, enchendo os cômodos com muitos móveis, acessórios e objetos de decoração. Mais um problema que precisa ser evitado ou corrigido. Lembre-se que, antes de tudo, os ambientes necessitam ser funcionais e confortáveis. Mas não há utilidade e aconchego possíveis em cômodos com muitas coisas. Muitos elementos dificultam o ir e vir e ainda podem comprometer o aspecto visual. Nesses casos, vale lembrar da máxima: menos é mais. Analise tudo e descarte o que for desnecessário.

Todas essas dicas valem para qualquer tipo de espaço, desde salas de estar a escritórios. E o interessante é que para compor uma decoração bonita ou corrigir os equívocos, nem é preciso contratar especialistas no assunto. Todas as transformações podem ser planejadas por você mesmo, assim, dá para garantir mais praticidade e principalmente economia para o bolso.

 

VEJA TAMBÉM!

Decoração simples e barata: de caixotes até adesivos de parede

Tudo o que você precisa saber para cortar papel de parede

08 ideias para decorar o corredor

Decoração simples e barata: de caixotes até adesivos de parede

Papel de Parede

Quem disse que para fazer uma decoração bonita, funcional e criativa é preciso gastar muito dinheiro? Hoje em dia, os arquitetos e decoradores têm inúmeras indicações de maneiras práticas e econômicas para que todas as pessoas possam deixar suas casas ou locais de trabalho com um visual moderno e diferenciado. Um exemplo de dica rápida é apostar nos práticos e acessíveis adesivos de parede, mas ainda há muitas alternativas diferentes, como você pode conferir a seguir.

Leve em consideração o tamanho do ambiente

Essa primeira providência pode parecer muito óbvia, mas, muita gente realmente acaba esquecendo de observar a área útil dos espaços. Antes de fazer qualquer tipo de planejando e de adquirir os materiais necessários para a decoração barata, você precisa saber se o seu ambiente tem capacidade o suficiente para tomar a forma e o visual que você pretende. Sendo assim, utilize fitas métricas ou conte com o auxílio de calculadoras online, é importante medir as paredes, o chão, o teto, portas, janelas, etc. Anote tudo e tenha as informações no momento da compra de materiais.

Faça o reaproveitamento de móveis

Sabe aquele seu armário com design antigo? Ou ainda aquela mesa já cheia de riscos e marcas do tempo? Esses e todos os outros móveis velhinhos e já meio caídos podem ser transformados com alguns materiais. Um exemplo simples é usar tecidos ou papel adesivo para fixar e dar uma outra cara muito mais jovem aos móveis.

reaproveitar-moveis

O armário antigo pode virar uma peça única com adesivo estampado, a mesa cheia de riscos também pode ficar mais bonita e moderna com adesivos de cores vibrantes. Você ainda tem a possibilidade de colocar tecidos coloridos ou monocromáticos (da mesma cor de adesivos de parede) em poltronas, forrar portas ou lixar e pintar móveis de madeira. Tudo pode ser reaproveitado e, além disso, essas formas de aproveitamento saem mais baratas do que móveis novos.

Ambientes rústicos podem receber objetos inusitados

Se você resolveu escolher uma decoração mais rústica com adesivos de parede e móveis de madeira, por exemplo, os decoradores indicam o uso de objetos mais inusitados para somar ao visual do ambiente. Telefones antigos, máquinas de escrever, bules, máquina de costura, vasos, vitrolas, quadros com pinturas de contextos clássicos e muito mais são apenas alguns exemplos de objetos para deixar seus espaços mais criativos sem gastar muito.

Procure peças antigas entre os membros mais velhos da sua família, às vezes, eles podem querer se desfazer dos artigos ou faça uma pesquisa em antiquários próximos à sua casa.

Madeira em objetos inusitados podem ser aproveitados

A moda agora é aproveitar o material de madeira para confeccionar pequenos móveis e objetos para variados ambientes. Você certamente já viu os famosos paletes que servem como mesinha de centro, prateleiras, revisteiro, sofá e até como apoio para jardim vertical.

Outra opção é utilizar os caixotes de feira para moldar criado-mudo, mesinhas para a sala, porta-livros e muito mais. Mas tome muito cuidado na hora de escolher os paletes e os caixotes, a madeira precisa estar em excelente estado, ou seja, verifique se ela não está úmida, se não tem manchas e nem farpas. É possível lixar e pintar a madeira ou somente fazer o lixamento a fim de conseguir uma decoração mais rústica.

revisteiro-madeira

Invista em adesivos de parede

Os adesivos de parede são excelentes para transformar os ambientes sem precisar gastar muito tempo e dinheiro, além disso, o material é fácil de ser instalado por qualquer pessoa e, a qualquer momento, pode ser retirado e trocado por outro modelo. Os adesivos de parede são completamente versáteis, uma vez que existem cores, estampas e texturas extremamente variadas e todos os ambientes podem ficar muito mais bonitos e modernos. Alguns desses tipos de adesivos de parede são os mais indicados para quem vai fazer decoração simples e econômica.

Adesivo de azulejo – Se você está cansada (o) de ter que limpar ou trocar o azulejo da sua casa, o adesivo para azulejos é a melhor solução. O material protege a parede de manchas, gorduras, sujeiras e ainda deixa o ambiente mais criativo e estiloso.

adesivo-azulejo

Adesivo imitação de madeira – Os adesivos de parede com textura de madeira são perfeitos para decorações rústicas cheias de caixotes e paletes. Dá para escolher adesivos mais claros, medianos ou escuros. Existem também os adesivos de madeira trabalhada ou colorida.

adesivo-madeira

Adesivo temático – Adesivos temáticos são muito sugestivos para personalizar ainda mais os espaços. Amantes de literatura podem utilizar adesivos com estampas de livros ou com dizeres poéticos, enquanto cinéfilos têm à disposição adesivos com desenhos de grandes clássicos do cinema, entre muitos outros exemplos.

adesivo-livro

Adesivo com estampa clássica – Alguns adesivos de parede apresentam formas muito tradicionais e ideais para praticamente todos os ambientes. Adesivos com formas de azulejo português, por exemplo, é uma excelente escolha para decorar salas, quartos, cozinhas, etc. Existem também os azulejos com estampa de xadrez que dão muito mais personalidade para áreas de lazer, espaços profissionais, quartos e mais.

adesivo-classico

 

 

 

 

 

 

 

 

VEJA TAMBÉM!

Tudo o que você precisa saber para cortar papel de parede

08 ideias para decorar o corredor

Decoração barata tem papel de parede e muito faça você mesmo

Tudo o que você precisa saber para cortar papel de parede

Papel de Parede

O papel de parede, sem dúvidas, é a melhor opção para transformar os ambientes de modo bonito, prático e barato. O material pode ser aplicado por qualquer pessoa e ainda existem centenas de modelos para todos os ambientes e gostos. Ainda assim, o papel de parede também demanda alguns cuidados especiais: um deles é a forma de fazer os recortes. Esse processo deve ser feito cuidadosamente seguindo alguns passos específicos. Quer saber como cortar corretamente seu papel de parede? Então confira tudo isso a seguir.

1º passo: medir a parede

Usando um acessório de metro articulado ou fita métrica, meça a altura da parede em várias partes. A porção mais extensa e longa da parede é a dimensão inicial para fazer o corte do papel de parede. É importante também adicionar 5 centímetros nas anotações sobre as medidas de comprimento e largura, esse cuidado serve como margem de erro.

medir-parede

2º passo: medir a quantidade de tiras de papel de parede

Depois de medir todo o tamanho da sua parede, é necessário saber quantas tiras de papel são precisas para cobrir a parede. Os pontos mais importantes a determinar são a largura da parede e a largura do papel. Pegue novamente o metro articulado ou a fita métrica para medir a largura da parede. No papel, geralmente, já vem especificada a largura. A conta funciona da seguinte forma, por exemplo, se a largura da parede é de 4 metros e a largura do rolo é de 0,52 metros, serão necessárias 8 tiras de papel de parede.

 

3º passo: observar o desenho do papel de parede

Se o papel de parede que você escolheu é estampado, você precisará tomar algumas cautelas a mais. Antes de começar a cortar e a fixar o material na parede, observe as formas da estampa. Veja se o local do corte não vai interromper a continuação de um desenho ou de uma palavra.

Caso o papel de parede seja estampado com imagens ou formas repetidas, observe, primeiramente, o início do padrão, caso contrário, se recortar de forma errada, o visual geral do padrão será estragado. Se for possível, solicite o auxílio de uma outra pessoa, enquanto você observa o papel de parede na parede, a outra pessoa olha de longe se o início do padrão e as linhas do material não estão tortas (vendo de longe fica mais fácil notar cada detalhe). Você deve abrir todo o rolo de papel de parede e depois determinar também onde o início da estampa deverá ser fixado (no meio da parede, em cima, embaixo, etc.).

medir-parede3

Disposição de imagens mais comuns

Existe uma grande variedade de imagens e desenhos dispostos de modo distintos no papel parede, mas alguns padrões são clássicos e, consequentemente, mais utilizados.

Papel de parede Padrão

A estampa padrão é composta por formas absolutamente iguais impressas no papel de parede. Muitos desses casos trazem imagens lado a lado ou dispostas verticalmente. Neste caso, o mais importante é não fazer o recorte no meio das imagens a fim de não comprometer o sentido da estampa.

papel-padrao

 

 

 

 

 

 

 

Papel de parede com imagens

Os tipos de papeis de parede com estampa de figuras ou formas são compostos por um único sentido representado pelo desenho do material. Por isso, é muito importante observar se o corte não vai acabar com a continuidade e, logicamente, com o sentido do desenho. Por exemplo, se houver quadrados ou círculos grandes no papel de parede, você precisa recortar de um modo em que as figuras fiquem inteiras ou que haja possibilidade de juntar duas metades idênticas.

papel-parede-quarto

Papel de parede com cor sólida

Os papéis de parede denominados como “cor sólida” são aqueles listrados ou com qualquer outra forma de sequência de cores. O padrão das cores e dos tons também precisa ser sempre mantido. Por exemplo, se o papel de parede tiver as cores do arco-íris enfileiradas verticalmente, você precisa respeitar essa ordem, sem fazer recortes que baguncem as cores e nem que deixe espaços em branco entre as colorações.

papel-parede-solido

4º passo: cortar as tiras do papel de parede

Para cortar as tiras adequadamente, você vai precisar de um cavalete, o rolo de papel aberto, lápis, um estilete ou tesouras grandes. Se o papel de parede tiver superfícies delicadas ou de altíssima qualidade, é indicado utilizar luvas de algodão durante o processo de corte. Agora, sim, mãos à obra: coloque o papel de parede em cima da mesa com o padrão virado para você e desenrole todo o material.

As medidas podem ser colocadas anteriormente ou depois de desenrolar o papel de parede. Os cortes precisam ser milimetricamente perfeitos, retos e no ângulo correto para o rolo. Para isso, conte com o auxílio de uma régua para papel de parede ou dobre o papel no ponto marcado, juntando ponta com ponta, em seguida, corte com o estilete ou om a tesoura.

Na loja virtual Papel na Parede, você encontra modelos de papéis de todas as estampas, cores e texturas. E mais, o site de compras também disponibiliza a ferramenta de calculadora de rolos de papel de parede. Basta adicionar as medidas da parede que a loja já mostra quantos rolos serão necessários para a sua reforma.

VEJA TAMBÉM!

08 ideias para decorar o corredor

Decoração barata tem papel de parede e muito faça você mesmo

07 segredos para deixar sua casa sempre aconchegante

 

08 ideias para decorar o corredor

Decorar o corredor pode ser muito mais fácil e barato do que você imagina. A grande maioria das pessoas costuma ter dificuldades na hora de adaptar esteticamente essa parte do imóvel. Sem contar que a palavra decoração, muitas vezes, logo é associada a grandes investimentos financeiro. Mas a boa notícia é que dá para decorar o corredor com cuidados e detalhes muito simples e, consequentemente, gastando pouco. Confira as dicas dos especialistas.

  1. Invista na iluminação

papel de parede pedras e lumináriaA iluminação faz toda a diferença para qualquer ambiente sempre, principalmente para decorar o corredor. O local fica muito mais funcional, ainda mais para o período noturno, sem contar que ganha uma expressão bem moderna e clean. Você pode apostar em luminárias fixas ou suspensas no teto.

Outra dica é iluminar as paredes com pisca-pisca. Mas tudo isso só é possível com luminárias compostas de lâmpadas brancas. Nada de luzes amarelas ou de outras cores, pois o colorido pode deixar o corredor escuro e até deselegante.

  1. Escolha bem as cores (aproveite o versatilidade dos papeis de parede)

Investir em cores para as paredes é uma solução que traz vida, movimento e personalidade para o corredor, uma vez que as composições coloridas deixam os espaços muito mais bonitos e alegres, expressando o perfil dos donos do lar ou do escritório. Mas é fundamental priorizar cores claras, pois essas dão mais sensação de amplitude

Uma forma fácil e barata de fazer a decoração com cores é usar modelos de papel de parede. Hoje em dia, dá para encontrar todos os tipos de texturas, cores, estampas e temas de papéis de parede. Sem contar que o papel de parede é extremamente prático e rápido para fixar nas paredes.

É possível encontrar modelos monocromáticos, educativos, estampados de animal print, com formas geométricas, florais e muito mais. Você pode escolher decorar o corredor de uma forma mais uniforme ou variando cores, depende muito do gosto pessoal e do sentido de cada decoração.

  1. O chão também é um recurso de decoração

Quem falou que o chão também não é importante na decoração do corredor? Tudo deve ser trabalhado, os detalhes e os cantos. No chão, dá para usar tapetes ou esteiras. Esses materiais, além de darem outro visual para o corredor, ainda deixam essa parte da casa ou do escritório mais segura.

É importante ter tapetes a fim de evitar escorregões e outros acidentes. Os decoradores sugerem tapetes com formas divertidas ou bem coloridas em tons mais vibrantes para criar um contraste com a iluminação bem clara e, também, com as cores suaves das paredes.

  1. Os temas podem te ajudar a decorar

Papel De Parede Autocolante Infantil Monstrinhos FofosA escolha de um tema é uma estratégia bastante interessante na hora de decorar o corredor. Muita gente acha difícil ou até impossível decorar essa parte de casa ou do trabalho, mas, escolhendo uma temática, tudo flui naturalmente.

Um exemplo, você adora cinema? É possível decorar as paredes com papel composto de imagem de filmes revelados, e mais, dá para fixar quadros com figuras de grandes atores do cinema e longas metragens clássicos. Já para quem prefere decorações florais, papéis de parede coloridos de flores, tapete de tom bem vivo e vasos de flores nos móveis são escolhas essenciais para deixar o corredor bonito e elegante. Existem inúmeras formar de decorar a partir de temas.

  1. Na dúvida, use quadrinhos e molduras

Não tem ideia do que usar nas paredes para decorar? Invista em quadros e molduras. Todo mundo adora belas fotografias, sejam elas de paisagens, amigos, familiares ou de si mesmo. Use e abuse dos quadros pequenos, tamanhos médios e grandes não ficam muito legais, já que o corredor geralmente tem pouco espaço. Caso você não encontre quadros com molduras criativas e do seu gosto, é possível criar suas próprias molduras usando caixas, plásticos, alumínios, etc.

  1. O poder dos espelhos

Se você é uma pessoa antenada em decorações, certamente, já ouviu falar por aí que os espelhos têm um poder muito mágico. O uso desse tipo de objeto deixa o corredor visualmente maior, bonito, clean e elegante. Aposte em espelhos de diferentes tamanhos para as paredes e até mesmo para o teto. Existem formas bem variadas que combinam com diferentes tipos e tamanhos de corredores. E o bom é que dá para você conferir o look diário no corredor antes de sair de casa.

  1. Adesivos de parede são ótimas opções

ADESIVO AZULEJO MOSAICO ROXOOs adesivos, assim como os papéis de parede, significam meios fáceis, baratos e muito bonitos de decorar as paredes. A sugestão é aplicar o adesivo somente em um espacinho ou em uma parte maior da parede. Esse tipo de material decora muito bem o corredor e ainda protege a parede de sujeiras e danos. A elegância também é contrastar as cores do adesivo com os quadrinhos.

  1. Respeite o espaço

Decorar o corredor requer sempre muito cuidado e observações, isso para que o espaço não fique inadequado ou deselegante. O indicado é evitar colocar muitas informações no corredor, ou seja, nada de móveis, espelhos, quadros, tapetes e cores em excesso. Nem obstrua a passagem. Procure equilibrar todos os elementos de modo que um complemente o outro.

VEJA TAMBÉM!

Decoração barata tem papel de parede e muito faça você mesmo

07 segredos para deixar sua casa sempre aconchegante

Como deve ser o seu papel de parede segundo o Feng Shui?

Decoração barata tem papel de parede e muito faça você mesmo

Foi-se a época em que as decorações bonitas e elegantes custavam os olhos da cara. Hoje em dia, as pessoas podem estabelecer ou renovar ambientes gastando muito pouco. Basta colocar a criatividade e o senso estético em prática usando alguns materiais acessíveis, como, por exemplo: papel de parede; madeira; garrafas; rolhas; caixas e muito mais. E o melhor é que dá para fazer todo o processo de decoração sozinho. Quer saber como? Então se ligue nas nossas dicas.

Decoração barata com materiais descartáveis

A imaginação e o bom gosto têm o poder de transformar até mesmo os materiais descartáveis. Na decoração dos espaços, tudo acaba sendo útil e bastante significativo. Você pode utilizar garrafas de vidro como verdadeiros vasos de flores naturais ou sintéticas – dá para decorar as garrafas com fitas de cetim ou ainda colocá-las dentro de bexigas grandes e coloridas.

garrafa com luzes pisca piscaSabe aquela garrafa de cerveja que você acaba jogando fora? Esse objeto também pode virar uma linda luminária – coloque vários pisca-pisca dentro de garrafa transparente ou colorida. O resultado é muito bonito e soma à decoração de todo tipo de ambiente.

E por falar em garrafas, as rolhas também possibilitam grandes decorações para os espaços. Você pode colar muitas rolhas com cola madeira até formar um desenho de coração. O objeto decorativo é indicado para preencher espaços nas paredes da sala ou dos quartos. Mais uma possibilidade é unir todas as rolhas para que elas deem o formato de um lindo cesto de frutas.

Decoração barata combinando temas com itens diversos

Os arquitetos e decoradores sempre recomendam que as decorações tenham uma temática. Isso ajuda a expressar o perfil e os gostos pessoais de homens e mulheres nos ambientes. E não há nada melhor do que ter uma casa ou escritório do nosso jeitinho.

papel de parede de madeiraUma excelente sugestão é combinar temas com utensílios baratos, como, por exemplo, a madeira. Dá para deixar as paredes mais bonitas e sofisticadas com modelos de papel de parede com textura e/ou cor de madeira. Além disso, os cômodos também precisam de móveis e objetos do mesmo tipo de material.

As sugestões são os paletes como sofás, mesa de centro ou ainda como suporte para jardim vertical. Já os caixotes servem perfeitamente para apoio de TV ou como prateleiras para guardar: livros, bonecas, ursos, revistas ou para simplesmente colocar vasos de plantas.

Decoração barata utilizando cores como recurso da decoração

papel de parede colorido geometricoUma ótima forma de economizar na decoração dos espaços é apostar bastante em cores. As paredes, podem ter tonalidades ou estampas diferentes a partir de modelos de papel de parede. Esse tipo de material tem fácil fixação, manutenção e ainda pode ser trocado sem nenhum tipo de transtorno. O papel de parede também é um item barato e completamente versátil, assim, dá para criar decorações bem diferentes para cada ambiente. A expressão das cores também deve vir de outros elementos, como: cortinas, carpetes, estofados, vasos, luminárias e muito mais. Procure priorizar sempre suas cores favoritas, mas cuidado para não sobrecarregar os ambientes apenas com um tipo de tonalidade. O ideal é usar, ao menos, dois ou três tons de cores.

Decoração barata: o poder das caixas

As caixas coloridas de papelão, madeira ou plástico fazem toda a diferença na decoração. As cores e estampas vivas chamam muita atenção e ainda deixam o visual muito mais alegre e moderno. O ponto mais legal é que essas caixas podem ser usadas em várias composições, tipo: em prateleiras, em cima de criados mudos, cubos de parede, mesas de centro e muito mais.

Os decoradores também indicam que as caixas tenham as mesmas cores ou tonalidades do papel de parede. As formas e o colorido precisam estar de acordo com o tipo de ambiente, ou seja, as caixas para o quarto das crianças devem ter cores mais suaves e desenhos educativos, enquanto aquelas para a sala podem ter formas mais abstratas e cores vibrantes.

Decoração barata combinando plantas e papel de parede

É claro que o papel de parede exerce grande função na decoração dos espaços. Mas é bom saber e lembrar sempre que um ambiente bonito e elegante, na verdade, depende de toda a composição.

papel de parede tijolo em sala com plantasAs plantas também tornam os cômodos muito mais bonitos e com aspecto de vivacidade, além disso, podem combinar com os modelos de papel de parede a partir de infinitas formas. Dá para apostar nos mesmos tons de plantas, flores e papel de parede ou ainda criar contrastes, como, por exemplo, parede mais clara com plantas verdes escuras. Uma opção é visitar a seção de papel de parede Floral ou sobre Natureza.

Você também tem a possibilidade de colocar as plantas em vasos no chão, em suportes na parede, em cima de móveis ou pendurar no teto. Para quem não tem muito tempo ou jeito para cuidar das plantinhas naturais, existem réplicas perfeitas de muitas espécies.

 

VEJA TAMBÉM!

07 segredos para deixar sua casa sempre aconchegante

Como deve ser o seu papel de parede segundo o Feng Shui?

Como escolher o papel de parede para quarto de casal

07 segredos para deixar sua casa sempre aconchegante

O sonho de muita gente é poder ter e aproveitar todo o aconchego de um lar. Mas, para que seja possível desfrutar do clima gostoso de casa, também é preciso ter dedicação com a limpeza e a organização dos espaços.

Conseguir fazer isso requer trabalho e dedicação, porém, com algumas técnicas, é possível simplificar o trabalho e alcançar o objetivo de modo prático. Por isso separamos sete segredos para deixar a casa aconchegante.

  1. Planejamento para manter a casa em ordem

A grande maioria das pessoas vive um cotidiano extremamente atarefado e, consequentemente, corrido. Isso acaba fazendo com que sobre pouco ou quase nada de tempo para limpar, arrumar e deixar a casa aconchegante.

A sugestão é traçar todo um planejamento para poder manter o lar em ordem. Você pode fazer uma planilha ou até mesmo um simples rascunho de tabela colocando os dias e os horários mais livres. O importante é aproveitar cada espacinho de tempo livre.

Tem dez minutinhos livres na segunda-feira? Aproveite para arrumar os quadros na parede. Na terça, sobraram 20 minutos? Tente limpar alguns cômodos. De pouco em pouco, dá para organizar a casa inteira e poder aproveitá-la bastante aos fins de semana.

  1. Aromatização é um ótimo recurso

Aposte em aromatizantes iguais para a casa inteira ou mesmo diferentes para cada cômodo. As melhores sugestões são os cheiros de limão, alecrim, lima e extrato de baunilha. Mas é claro que você pode escolher qualquer outro aroma distinto dessas sugestões. Utilize potinhos de vidro para comportar as furtas e as plantinhas em água ou, se preferir, compre frascos prontos de aromas comercializados em lojas de artigos de casa.

  1. Cuidados diferenciados para cada cômodo

É claro que os cômodos da casa são bem diferentes, sendo assim, cada espaço precisa de um determinado tipo de cuidado relacionado à arrumação e à limpeza. A cozinha e o banheiro, por exemplo, são ambientes que demandam mais atenção e tempo. A higienização desses cômodos deve ser feita minuciosamente e, também, com a utilização de alguns produtos mais potentes, como: cloro, desengordurante, álcool, entre outros.

Já no quarto e nas salas é interessante usar aspirador de pó que limpa melhor os carpetes e o sofá. Não se esqueça que a decoração e a disposição dos móveis e objetos também precisam ter um estilo próprio para cada ambiente. Tudo isso influencia para deixar a casa aconchegante.

  1. Atenção aos itens de cama, mesa e banho

Dentro de casa, as peças de cama, mesa e banho também merecem cuidado especial, já que elas ficam constantemente em contato com o nosso corpo. A preocupação é tão séria que existem até alguns estudos indicam que a qualidade e a higiene do lençol influenciam na qualidade do sono.

Por essas razões, procure sempre trocar esses itens constantemente. Uma ou duas vezes por semana é o suficiente. Além disso, tente lavar esses itens com água morna e sabão neutro suave.

  1. Cuidado com as receitas caseiras de limpeza

Hoje é possível encontrar diversos tipos de receitas caseiras para limpar a casa. Mas é fundamental tomar cuidado com algumas dicas, uma vez que o uso de certos tipos de produtos e técnicas podem danificar a estrutura da casa (chão, teto, paredes, portas e janelas) e, também, os móveis e objetos de decoração. O mais indicado é confiar somente em receitas testadas, como sugeridas por pessoas que realmente tenham conhecimento pleno sobre o assunto.

Ainda assim, quando você for usar as dicas, faça testes, ou seja, ao invés de aplicar um produto logo no sofá todo, por exemplo, adicione uma pequena quantidade para testar. Qualquer tipo de dano pode acabar atrapalhando no processo para deixar a casa aconchegante.

  1. Cuidados especiais para quem tem pets

Quem tem animais de estimação (cachorro, gato, pássaros, entre outros) precisa redobrar os cuidados de limpeza e organização para deixar a casa aconchegante. Os pelos dos bichinhos devem ser removidos de alguns móveis e dos tapetes com pedra-pomes ou até mesmo com luvas de borracha. Esses materiais garantem uma remoção mais fácil, rápida e, claro, sem danificar seus móveis e acessórios.

Para quem possui gatos, utilizar bicarbonato de sódio na areia de dejetos evita que a casa fique com odor ruim. E se você tem problema com os locais por onde os gatos passam, as essências (lavanda, hortelã e laranja são excelentes para evitar que os felinos fiquem em cima de mesas, pias, banheiras, entre outros lugares.

  1. Não se esqueça do teto

O teto também é uma parte da casa que precisa ser limpa frequentemente, mas muita gente acaba se esquecendo. A melhor forma de higienizar é usar rolo de pintura: umedeça a parte sensível do rolo e passe em todo o teto.

Você pode até umedecer o rolo em um balde com água e um pouquinho de desinfetante, mas antes de qualquer coisa, certifique-se de que o produto de limpeza é adequado para o seu tipo de teto. Os rolos garantem que essa parte do lar fique bem limpa e sem dificuldade, já que de qualquer outro jeito, fica difícil e inalcançável limpar todo o teto.

VEJA TAMBÉM!

Como deve ser o seu papel de parede segundo o Feng Shui?

Como escolher o papel de parede para quarto de casal

Papel de parede é essencial para decorar ambientes pequenos

Como deve ser o seu papel de parede segundo o Feng Shui?

Para muitos, a decoração está além da organização dos itens e da criação de um ambiente esteticamente agradável. Quem pensa assim, conta com um grande apoio dos sábios chineses, que usam o Feng Shui, a milenar arte do equilíbrio, para manter a harmonia em diferentes ambientes.

E quando o assunto é escolher um papel de parede para decorar o local, seja ele um ambiente doméstico ou até mesmo algum setor de um empreendimento, recorrer ao Feng Shui é uma prática que garante ao decorador uma base sólida de como combinar os itens, desde a escolha das cores até as posições de cada elemento no recinto.

O que é o Feng Shui?

O termo tem como origem a língua chinesa. Isso é importante para compreender que seu significado tem como base os ideogramas utilizados na língua, onde cada uma das palavras pode ser entendida, literalmente, como vento e água. Tal significado se dá, na verdade, por uma associação que a língua faz com o som desses elementos, sendo que, em chinês, a pronúncia correta seria algo próximo a ‘fon suei’. Sendo “fon” o som do vento e “suei” o som da água.

Para alguns, o Feng Shui é uma arte, para outros, é tratado como uma ciência. Seja qual for a definição, a verdade é que as práticas envolvidas nele utilizam como base a relação do Yn e Yang, onde as influências positivas e negativas são trabalhadas para resultar em benefícios para as pessoas; e também com grande influência dos cinco elementos, que, na cultura chinesa são: madeira, fogo, terra, água e metal.

feng shuiEm termos mais práticos, os praticantes do Feng Shui acreditam que, por todos os lugares, há linhas de energia que transitam constantemente, resultantes da energia “espiritual” dos elementos presentes no planeta. Essas energias seriam trabalhadas para que um equilíbrio entre elas seja alcançado, tornando mais harmonioso o ambiente onde as pessoas estão.

Os benefícios e características do Feng Shui

Segundo os especialistas nessas técnicas, os benefícios do Feng Shui podem ser sentidos e percebidos em diferentes áreas da vida, como no relacionamento entre as pessoas presentes no ambiente, diminuindo desavenças, ou até mesmo na prosperidade dessas pessoas, podendo resultar em novas oportunidades de negócio.

Para os praticantes, os resultados das técnicas podem ser percebidos de imediato, entretanto, é importante que as pessoas que se iniciam nessas práticas tenham a ciência de que o Feng Shui não pode ser considerado como principal “solucionador” de problemas, mas sim como um conjunto de iniciativas que beneficiam e auxiliam aqueles que a seguem.

Vale ressaltar, também, que o Feng Shui é considerado importante não apenas na decoração e disposição dos móveis em um ambiente, mas seu trabalho completo começa desde a escolha de uma local e também da própria construção do imóvel.

Neste caso, a aplicação do Feng Shui se limita aos itens de decoração e de como alguns elementos podem combinar e conversar com outros seguindo os preceitos da arte (ou ciência). De modo até mais específico, quem está no processo de mudança da casa e está em busca de um papel de parede para renovar o ambiente, pode se apoiar nas orientações do Feng Shui para uma fazer uma escolha que não seja apenas bonita, mas também funcional.

Começando a aplicar o Feng Shui com as cores do papel de parede

O primeiro quesito para realizar a escolha do papel de parede está na cor. Segundo a arte chinesa, as cores possuem poderes que influenciam diretamente na intensidade das forças presentes em um ambiente. Para compreender a escolha das cores, é necessário conhecer o concito pelo qual os chineses entendem a divisão das cores.

Como tudo é baseado no Yn e Yang, as cores são divididas em Yn: representado pela noite, pelo feminino, pela terra e pela passividade; enquanto o Yang: representado pelo dia, pelo masculino, pelo céu e pela atividade. Isso resulta na divisão das cores azul (paz e tranquilidade), preto (seriedade), roxo (transformação e mudanças) e verde (reflexão e realização) como elementos que ressaltam a feminilidade e proporcionam tranquilidade ao ambiente, enquanto as cores mais quentes como amarelo (alegria), laranja (sociabilidade e calor humano) e vermelho (ousadia e relacionamento) tornam o ambiente mais quente e agitado.

O papel de parede na decoração segundo o Feng Shui

Os papeis de parede podem ser considerados o elemento que mais “predomina” em um ambiente quando se trata de escolher uma cor. Seja o modelo feito de uma cor sólida, seja ele com preenchimentos e formas que o caracterizem, seus tons predominantes enchem o ambiente e, geralmente, ainda ditam para que outros elementos combinem com ele.

Ciente disso, é importante escolher o tom certo do papel de parede de acordo com a intenção e com a energia resultante de cada uma das cores.

Agora que você já sabe o princípio básico para escolher seu papel de parede com as energias certas, acesso a loja da Papel na Parede e encontre o modelo certo para decorar seu ambiente e melhorar ainda mais as vibrações do local.

VEJA TAMBÉM!

Como escolher o papel de parede para quarto de casal

Papel de parede é essencial para decorar ambientes pequenos

Adesivo azulejo é opção simples e elegante para renovar ambiente

 

 

 

Como escolher o papel de parede para quarto de casal

Decorar a casa é um trabalho bastante pessoal, pois a escolha dos itens está intimamente ligada ao que as pessoas do ambiente gostam e querem ver. Quando o assunto é o quarto do casal, esse detalhe fica ainda mais evidente.

O quarto é o cômodo de maior aconchego e também onde é preciso a harmonia trazer tudo o que o casal procura como um ambiente calmo para o descanso, a organização prática para a rotina e também, um belo e clima, com bastante energia positiva para os momentos íntimos.

É por isso que a decoração do quarto, atualmente, começa pela escolha de elementos que garantam todas essas características. Especialistas em decoração afirmam que apostar no papel de parede, por exemplo, só traz benefícios, pois esse tipo de material tem a capacidade de transformar completamente os espaços garantindo visual de amplitude, além de ser muito simples de instalar e manter.

Pensando nisso, reunimos aqui as principais dicas para que você possa decorar ambientes pequenos, combinando o papel de parede com outros elementos e transformando o visual do quarto – e também o clima do cômodo

Escolha um tema para o quarto

Antes de escolher um papel de parede, é imprescindível pensar e definir um tema para o quarto. Essa temática servirá como embasamento e ponto principal para toda a decoração. É importante que o casal converse e escolha tranquilamente um tema que tenha tudo a ver com o próprio perfil e gostos pessoais.

Alguns exemplos de temáticas são: romântico, neutro, moderno, descontraído, vintage, clássico e muito mais. Não existem restrições de temas para os quartos pequenos, uma vez que a diferença mesmo consiste no modo de disposição do papel de parede, móveis e objetos.

A importância de agradar os dois (casal)

Este também é um ponto crucial. Na hora de definir a decoração e o papel de parede, muitos casais acabam divergindo bastante. As várias dúvidas e até pequenos desacordos podem ajudar no processo de escolha, mas, a definição precisa estar de total acordo com ambas as partes. De nada adianta a mulher amar a temática moderna se o homem tem um estilo completamente vintage. Lembre-se que o equilíbrio é sempre fundamental.

Composição com outros elementos: móveis, cabeceira, carpete, cortinas, etc.

Vale sempre informar e lembrar que o quarto do casal, além do papel de parede, necessita de outros elementos em concordância com as paredes. Você pode apostar em móveis e acessórios, mas é importante saber que tudo deve ter tamanho e design compacto para poder caber perfeitamente no quarto pequeno. Uma excelente dica é apostar em cama box, já que esse modelo não possui pés e nem cabeceira, o que influencia totalmente no aproveitamento do espaço.

A iluminação como parte da decoração

A luz, definitivamente, é tudo em uma decoração. Para quartos pequenos, os arquitetos e decoradores indicam o aproveitamento da luz natural, ou seja, priorize janelas médias com uma boa abertura para a entrada de raios luminosos. Mas é claro que também é necessário ter lâmpadas excelentes para ambientes pequenos, como, por exemplo, as “spots” e outros modelos de teto que garantem mais espaço. Já as lâmpadas brancas precisam ser evitadas, uma vez que não proporcionam muita sensação de aconchego.

Espelhos são bem-vindos e influenciam na escolha

Os espelhos fazem com que os quartos pareçam bem maiores, na maioria dos casos, até duas vezes maior. Dá para fixar espelho atrás da cama ou até mesmo em uma parede inteira. Você tem ainda a opção de escolher um espelho liso ou emoldurado, no segundo caso, é preciso que o acabamento tenha cores e formas condizentes com toda a decoração. Alternar o papel de parede com espelhos também é uma opção bastante moderna e criativa.

Sugestões de papel de parede

Papel de Parede Autocolante – Floral Azul e Rosa

Estilo romântico e delicado para casais que não dispensam momentos intensos e significativos. As cores rosa e azul contrastam de forma singular, além disso, expressam modernidade e estilo muito bem trabalhado. Sem contar que são colorações que combinam com tudo.

 

 

Papel de Parede Autocolante Listrado – Cinza

papel de parede listradoCasais com perfil mais sério e clássico, merecem uma decoração com papel de parede listrado. A cor cinza, por si só, mostra muita sobriedade e combina perfeitamente com móveis e objetos mais escuros ou mais claros.

 

 

Papel de Parede Autocolante – Linho Tecido

papel de parede tecido linhoVocê é seguidor daquela regra “menos é mais”? Se sim, o papel de parede com visual clean é indispensável para o seu quarto. A cor suave de off-white desperta as sensações de tranquilidade e aconchego para os momentos do casal. É uma ótima opção para transformar o ambiente de forma simples e elegante.

 

Papel de Parede Autocolante – Tribal Colorido

papel de parede tribalFormatos geométricos em estilo tribal compõem este belíssimo papel de parede. Uma opção incrível para os casais de perfil mais moderno, descolado e que não dispensam as cores para transmitir mais alegria e vivacidade para o quarto. As diversas cores também vão muito bem com espelhos, móveis cortinas, objetos de decoração e mais.

VEJA TAMBÉM!

Papel de parede é essencial para decorar ambientes pequenos

Adesivo azulejo é opção simples e elegante para renovar ambiente

Como os temas podem te ajudar a decorar qualquer ambiente?